RM
ELETRÔNICA

Para facilitar para nossos usuarios

Acessar os esquemas e informativos não precisa mais fazer login

Classificados       Mural Defeito   Esquemas Gratis   Blog Técnico  
Compartilhe o RM ELETRÔNICA, com amigos das redes sociais nos links abaixo !

Recomende Site no Google
Menu
Home
Novas Tecnologia
Tv Digital
Tecnol.HDMI
Tecnol.Bluetooh
Conversor Digital
Formato Divx
Indicação do Site
Inventor Rádio
Links
Cadastrar Links
Fale Conosco
Oportunidade Renda
Classificados Gratis
Oportunidade Negócios
Renda Extra
Esquemas
Esquema e Informativos
Circuitos e Programador
Prog. de EEprom
Como prog. EEPROM
Tipos de fontes
Transmissor
Cursos
Curso Eletrônica
Apostila Eletrônica
Reparo de LCD
Setup
CCE
Cineral
Gradiente
LG
Panasonic
Philips
Philco
Philco Mod.Novo
Samsung
Sharp
Sony
Toshiba
Defeitos
Dicas Recentes
Panasonic
Philco
Gradiente
CCE
Toshiba
Sony
Cineral
Circuito IK Sony
 
Visitas :428190
Terça 17/10/2017
Hora : 05:57
IP :54.81.110.114 
Link112

Bluetooth

Bluetooth é uma tecnologia de baixo custo para a comunicação sem fio entre dispositivos eletrônicos a curtas distâncias.
Começou a ser desenvolvida em 1994, pela Ericsson, e a partir de 1998 pelo Bluetooth Special Interest Group (SIG), consórcio inicialmente estabelecido pela Sony, Ericsson, IBM, Intel, Toshiba e Nokia, hoje este consórcio inclui mais de 2000 empresas.
É usado para comunicação entre pequenos dispositivos de uso pessoal, como PDAs, telefones celulares de nova geração, computadores portáteis, mas também é utilizado para a comunicação de periféricos, como impressoras, scanners, e qualquer dispositivo dotado de um chip Bluetooth.



Dispositivos Bluetooth operam na faixa ISM (Industrial, Scientific, Medical) centrada em 2,45 GHz que era formalmente reservada para alguns grupos de usuários profissionais. Nos Estados Unidos, a faixa ISM varia de 2400 a 2483,5 MHz. Na maioria da Europa a mesma banda também está disponível. No Japão a faixa varia de 2400 a 2500 MHz. Os dispositivos são classificados de acordo com a potência e alcance, em três níveis: classe 1 (100 mW, com alcance de até 100 m), classe 2 (2,5 mW e alcance até 10 m) e classe 3, (1 mW e alcance de 1 m, uma variante muito rara). Cada dispositivo é dotado de um número único de 48 bits que serve de identificação.
Os dispositivos Bluetooth se comunicam entre si e formam uma rede denominada piconet, na qual podem existir até oito dispositivos interligados, sendo um deles o mestre (master) e os outros dispositivos escravos (slave); uma rede formada por diversos \"masters\" (com um numero máximo de 10) pode ser obtida para maximizar o número de conexões. A banda é dividida em 79 portadoras espaçadas de 1 MegaHertz, portanto cada dispositivo pode transmitir em 79 diferentes frequências; para minimizar as interferências, o dispositivo \"master\", após sincronizado, pode mudar as frequências de transmissão do seus \"slaves\" por até 1600 vezes por segundo.
Em relação à sua velocidade pode chegar a 721 Kbps e possui três canais de voz.
As desvantagens desta tecnologia são o seu raio de alcance, 10 metros e o número máximo de dispositivos que podem se conectar ao mesmo tempo.
O Bluetooth ganhou popularidade quase sempre associado aos charmosos headsets – aqueles fones/microfones sem fio – para telefones celulares que deixam seus usuários com ar de filme de ficção científica. Deixando os headsets de lado, quem já se perguntou o que realmente representa essa tecnologia, de onde ela surgiu e que aplicações pode ter? Bluetooth é um padrão de comunicação por rádio de baixo consumo elétrico e curto ou curtíssimo alcance. Os dispositivos podem ser classificados, de acordo com a potência e alcance, em três níveis: classe 1 (100 mW, com alcance de até 100 m), classe 2 (2,5 mW e alcance até 10 m) e classe 3, (1 mW e alcance de 1 m, uma variante muito rara).

O mesmo vale para a troca de dados entre gadgets e um computador igualmente equipado. Pode ser um desses notebooks com o padrão integrado, cada vez mais comuns, ou um desktop munido de um adaptador USB-Bluetooth (popularmente chamado de dongle), acessório parecido com um memory key que pode ser encontrado em lojas de informática por menos de R$ 100. Plugue um desses no seu micro e, com os softwares adequados, você será capaz de sincronizar informações do PDA ou celular sem colocar as mãos neles. Só preste atenção à sua versão do Windows: acessórios bluetooth só costumam ser reconhecidos a partir do XP com Service Pack 2.
Cuidado também com os kits de teclado e mouse: alguns deles vêm com um adaptador que só funciona com os periféricos do conjunto, não servindo para conexão com outros aparelhos. Nessa mesma categoria, merece destaque o IMPhone, da coreana Enustech. Mais que um adaptador, ele transforma alguns celulares com bluetooth – por enquanto apenas alguns modelos são compatíveis – em um telefone IP, capaz de fazer ligações pelo Skype e serviços semelhantes, com a vantagem de você controlar tudo pelo celular.

Fonte de Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

 
Copyright © rmeletronica -WEB DESIGNER TOGNON -Desde 2007™